Pau…tando 21/05/20


Na coluna Pau…tando, leia o que acontece de mais importante nos bastidores políticos de Poços de Caldas.

BARREIRAS 1
As barreiras sanitárias nas entradas da cidade foram montadas desde o dia 21 de março, mas só agora elas estão recebendo a devida intensificação na fiscalização, por conta do feriadão paulista que pode trazer milhares de pessoas do epicentro da pandemia para Poços e demais cidades do Sul de Minas, especialmente as que ficam na fronteira entre os Estados.

BARREIRAS 2
Ontem, quando a Prefeitura anunciou o bloqueio de todas as demais entradas que até então estavam desguarnecidas, muitas pessoas comentaram nas redes sociais que veículos do Estado de São Paulo e até mesmo de Belo Horizonte, estavam conseguindo entrar sem dificuldades na cidade.

BARREIRAS 3
O bloqueio total dos acessos não agradou a todos. Moradores da Zona Leste reclamam que não podem mais acessar a Estrada da Cachoeirinha rumo à Zona Sul. No entanto, era justamente por esse acesso que muitas pessoas estavam burlando as barreiras sanitárias para entrar na cidade após o fim do bloqueio no Marco Divisório.

SEM RESPOSTA
A vereadora Ciça Opípari (PT) revelou na sessão remota de terça-feira, 19, da Câmara Municipal, que desde o início da atual gestão municipal, mais de 70 requerimentos assinados pelos vereadores ainda não foram respondidos pelo Executivo. Segundo a vereadora, o fato é passível de improbidade administrativa e cassação do mandato, conforme prevê a legislação em vigor.

TROCA
A Prefeitura exonerou, a pedido, Dovenir Bertozzi do cargo de gerente da Seção de Transportes do SUS. Em seu lugar, Fabrício de Oliveira assume o cargo.