Pau…tando 16/05/20


Na coluna Pau…tando, leia o que acontece de mais importante nos bastidores políticos de Poços de Caldas.

RENOVAÇÃO
A Prefeitura prorrogou por mais 12 meses a locação do imóvel localizado na rua Marechal Deodoro onde funciona o Poços Fácil. O local ficou fechado cerca de um ano mesmo com o aluguel correndo até que enfim o projeto Poços Fácil começasse a funcionar.

GRATUIDADE
O Decreto nº 13.312/2020, que dispõe sobre a flexibilização das medidas para enfrentamento da emergência em saúde pública decorrente da pandemia causada pelo novo coronavírus, prevê a restrição ao uso de gratuidade por idosos no transporte coletivo de Poços. No entanto, como o Estatuto do Idoso prevê a gratuidade para maiores de 65 anos, o vereador Marcelo Heitor (PSC) questiona quais foram os embasamentos legais para a aplicação do decreto municipal em detrimento da legislação federal.

QUEM NÃO CHORA…
Assim como outros setores da economia poços-caldense, os feirantes tiveram que pressionar bastante a Prefeitura para que pudessem também ser contemplados pela flexibilização do comércio. Até então, o setor era um dos que menos tinha sido beneficiado, com a autorização de funcionamento de apenas quatro das 11 feiras livres existentes na cidade e ainda assim, apenas para a venda de produtos hortifrutis. Após reuniões no decorrer da semana com representantes do setor, o Comitê Covid-19 acabou autorizando uma expansão da flexibilização.

BARREIRA SANITÁRIA
Nas redes sociais, seguem as reclamações sobre a retirada da barreira sanitária do Marco Divisório, trans-ferida para o trecho em frente à Danone. Ainda que exista uma barreira na Saturnino de Brito, impedindo o acesso principalmente ao Centro, a queixa é que qualquer veículo pode acessar os demais bairros da Zona Sul.