Pau…tando 06/08/2020


Na coluna Pau…tando, leia o que acontece de mais importante nos bastidores políticos de Poços de Caldas.

ARTICULAÇÃO 1
Com várias pré-candidaturas a prefeito já anunciadas nas últimas semanas, o desafio agora é concretizar a escolha dos pré-candidatos a vice nestes chapas. Enquanto alguns até então pré-candidatos a prefeito negociam a participação como vices, outras chapas buscam pré-candidatos que ainda não tiveram seus nomes tornados públicos.

ARTICULAÇÃO 2
Nos bastidores, o PCdoB, ainda que não consiga emplacar o nome de um pré-candidato a vice, negocia a participação em pelo menos duas coligações. Depois de estar bem próximo do PT, o partido agora também articula uma eventual coligação com o PDT. Já o PSOL, outro partido do campo da esquerda, também mantém conversas para se coligar ao PT.

ARTICULAÇÃO 3
Mesmo que o PDT feche com o PCdoB, é especulado nos bastidores que o partido poderá apresentar uma chapa pura, tendo como companheiro de chapa de Eduardo Junqueira Dias o ex-secretário de Serviços Públicos, Thiago Biagioni, que se filiou ao partido após deixar a Prefeitura.

ARTICULAÇÃO 4
Quem também anda a procura de um pré-candidato a vice em sua chapa é o atual vice-prefeito Flávio Faria (Rede), que até o momento, deverá ter ao lado pelo menos o PSD.

OLHA O TREM
A reativação do trem turístico ligando Poços de Caldas e Águas da Prata, após ficar mais de três anos e meio em estado de hibernação, parece que desta vez irá sair do papel. É bom que se diga que está ocorrendo só depois que o governo de Minas criou o Plano Estratégico Ferro-viário. De qualquer forma, a ida de representantes de Poços a Águas da Prata, com a anuência do prefeito Sérgio Azevedo (PSDB), é um inequívoco sinal de que desta vez, o baru-lho do trem finalmente poderá voltar a ser ouvido.