Operação Audacium prende seis por tráfico e lavagem de dinheiro

Ação desarticulou tráfico no bairro Vila Nova

Como desdobramento de uma investigação de combate à lavagem de dinheiro e ao tráfico de drogas, a Polícia Civil, em Poços de Caldas, desencadeou na segunda-feira, 11, a Operação Audacium.

Durante o trabalho, que contou com a participação de mais de 100 policiais civis, houve a prisão de seis investigados, bem como a apreensão de sete veículos de luxo e duas armas de fogo. Ontem à tarde, os delegados Bráulio Stivanin Junior, Gustavo Manzoli e Cleyson Brene apresentaram os indivíduos presos.

Segundo eles, a operação tratou-se de uma primeira etapa no combate ao tráfico e lavagem de dinheiro. A novidade é que a Polícia Civil está criando na delegacia local o Núcleo Avançado de Combate à Lavagem de Dinheiro, o que vai auxiliar nas futuras investigações.

TRÁFICO
De acordo com os delegados, a operação realizada na segunda-feira visou desmantelar uma organização criminosa que fazia tráfico de drogas na região do bairro Vila Nova, na Zona Leste da cidade. Para a Polícia Civil, as provas produzidas pelas investigações são suficientes para comprovar o envolvimento do grupo nas ações criminosas.

Durante a coletiva foram apresentadas seis pessoas, sendo três homens e três mulheres, com diferentes funções dentro da organização, mas todas associadas de alguma forma à prática criminosa. Eles são familiares dos principais alvos ou trabalhavam no tráfico.

As mulheres seriam olheiras e responsáveis pela questão financeira e até controle do estoque de drogas. As investigações levaram cerca de quatro meses e tiveram como um dos pontos principais a rua Coronel Virgílio Silva, no Vila Nova. A Polícia Civil considera que o local é um dos pontos mais antigos de tráfico de drogas em Poços.

Durante as investigações, os policiais conseguiram a quebra de sigilo bancário, fiscal e financeiro dos principais suspeitos, o que fez com que se chegasse nos familiares. Veículos e imóveis eram usados para a lavagem de dinheiro.

No cumprimento dos mandados a polícia prendeu seis pessoas; apreendeu sete veículos, avaliados em R$ 300 mil; além de armas e munições. Foi realizada a expedição de medidas cautelares de sequestro de bens, avaliadas em R$ 1,2 milhão.

Outros suspeitos que estavam na mira da Polícia Civil conseguiram fugir, mas seguem procurados e estão com mandados de prisão expedidos. Ainda de acordo com a Polícia Civil, após a operação, o tráfico de drogas na região parou.

1 Comentário

  1. […] Polícia Civil prendeu o último foragido da Operação Audacium. Ele foi preso na manhã desta terça-feira, 4. O 20º envolvido, Cléber da Silva Pereira, 35, […]