Corte de subsídio do Restaurante Popular começa em dezembro

Quem não estiver inscrito no Bolsa-Família pagará R$ 5,50

A Prefeitura confirmou que irá cortar o subsídio para as refeições do Restaurante Popular de Poços de Caldas a partir de 1º de dezembro deste ano.

O custo normal da refeição é de R$ 5,50. Atualmente, com o subsídio de R$ 3,50 pago pela Prefeitura, a refeição custa R$ 2 para todos. Com o fim do benefício, apenas pessoas de baixa renda inscritas no Bolsa Família continuarão pagando R$ 2. Os demais usuários do Restaurante Popular vão pagar R$ 5,50.

A Secretaria de Promoção Social vai fornecer uma carteirinha para os frequentadores que precisam almoçar no restaurante. Aposentados que recebem um salário-mínimo também vão receber a carteira do estabelecimento para ter acesso ao desconto. O documento poderá ser retirado em qualquer unidade do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS).

Quem estiver desempregado poderá receber a carteirinha ao cadastrar-se no Bolsa Família. Já as pessoas em situação de rua têm acesso a três refeições gratuitas no Centro Pop, e a cinco nas entidades conveniadas que as acolhem.

PRIORIDADE
De acordo com a Prefeitura, a medida visa priorizar o investimento público, uma vez que o município encontra-se em situação de emergência financeira por falta de repasses do governo estadual. Segundo o prefeito Sérgio Azevedo (PSDB), a economia gerada com essa medida, cerca de R$ 1,5 milhão por ano, vai proporcionar a construção de uma nova creche, priorizando o investimento em educação no município.

Durante este mês, os usuários serão orientados sobre as novas regras no próprio restaurante. Outras informações podem ser obtidas nos Cras distribuídos pela cidade: Cras Centro (3697-2240), Cras Leste 1 (3713-6098), Cras Leste 2 (3697-2242), Cras Oeste (3697-4230), Cras Sul (3697-2855), Cras Sul Apoio (3715-7912) e Cras Sul Apoio 2 (3697-2632).

O Restaurante Popular Elza Monteiro Ferreira funciona de segunda a sábado, das 11h às 14h, no pátio do Mercado.

1 Comentário

  1. […] anunciado anteriormente pela Prefeitura, o valor passa de R$ 2 para R$ 5,50 a partir da próxima quarta-feira, 2. No entanto, terá direito […]