Conta de água tem aumento de 6,64% em Poços

Tarifa foi reajustada pelo IPCA, para minimizar efeitos do aumento

Há dois anos a tarifa de água em Poços Caldas não era reajustada. O último reajuste foi feito em julho de 2019. No ano passado o DMAE (Departamento Municipal de Água e Esgoto) adiou o reajuste anual.

A autarquia aponta que com o aumento dos custos e a necessidade de ampliar e melhorar as redes de água e esgoto da cidade, a conta de água foi reajustada desde ontem, 24.

continua depois da publicidade

O reajuste não compreenderá a atualização destes dois anos, apenas o período de julho de 2019 a dezembro de 2020, e optou-se pelo menor índice do mercado.

Desde 2013, o IGP-M (Índice Geral de Preços do Mercado) foi o índice usado para o reajuste da conta de água, mas desta vez ele se tornou impraticável, já que o reajuste chegaria a 26,58%.

O DMAE ainda avaliou o INPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) que ficaria em 7, 53%, e acabou optando pela menor porcentagem, ao balizar o reajuste pelo IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo) ficando em 6,64%.

TARIFAS

Mesmo com o reajuste, vale ressaltar que a tarifa do DMAE segue sendo uma das mais baratas do Brasil. Em Poços, com o reajuste, o consumo de 20m³ de água, que custava R$ 98,42, passará a custar R$104,95.

Em termos comparativos, o mesmo consumo na Copasa sai praticamente o dobro, R$204,24. E na Sabesp, que atende o Estado de São Paulo, o consumidor paga R$ 181,60 pelos mesmos 20m³.