Pau…tando 25/06/21

Na coluna Pau…tando, leia o que acontece de mais importante nos bastidores políticos de Poços de Caldas.

PANDEMIA
Os números mais recentes da pandemia em Poços de Caldas, divulgados ontem à noite, 24, mostram que a situação é bastante grave. Poços chegou a 400 mortes ontem e segue com a cidade do Sul de Minas com o maior número de óbitos. O número de casos positivos está prestes a completar 12 mil e são 1.330 pessoas em isolamento domiciliar.

LEITOS DE UTI
O vereador Diney Lenon (PT) criticou declarações do prefeito Sérgio Azevedo (PSDB) em entrevista à rádio Onda Poços, quando teria dito que não existe fila de espera por leitos de UTI na cidade. Diney diz que tem sido procurado por várias pessoas que relatam dificuldade em conseguir leitos de UTI para pacientes com Covid-19. “Não vejo problema do gestor admitir que está ocorrendo esse problema, mas é preciso falar com transparência sobre a situação à população”, relata.

conteúdo depois da publicidade

PARA SEMANA QUE VEM
A sessão extraordinária para a votação do projeto Recupera Poços só deverá acontecer na próxima quinta-feira, 1º. A votação do projeto é importante para viabilizar, entre outras coisas, o subsídio para o transporte coletivo durante o período de contrato emergencial.

DESBUROCRATIZAÇÃO 
Nesta semana, em mais uma reunião da Comissão de Estudos para Revisão Legal e Desburocratização, os vereadores receberam o advogado Cristiano Medeiros, assessor jurídico da Câmara Municipal, que trouxe para as discussões a Lei Federal 13.874/2019 (Lei de Liberdade Econômica). As reuniões são quinzenais, quartas-feiras, às 13h30, na Câmara Municipal.

FOME ZERO
A vereadora Luzia Martins (PDT) sugeriu a implantação de um Restaurante Popular na Zona Sul. A ideia só não será boa para aqueles acostumados a aproveitar a fragilidade alheia para distribuir marmitex na região com interesses nada republicanos.